fbpx

Comitê do Fogo inicia Projeto Aceiro Negro na próxima semana

Foto: Luiz Henrique Machado/Governo do Tocantins


Por Ivan Trindade


Começa já na próxima semana as ações do projeto Aceiro Negro, do Comitê Estadual do Fogo. Na prática, por meio de fogo controlado e roçagem das margens das rodovias com uso de máquinas, acaba-se com a massa seca de mato existente no local, evitando um incêndio de grandes proporções e destruição das plantações, pastagens, animais domésticos, bichos do mato e até do Parque Estadual do Lajeado e a Área de Proteção Ambiental (APA) do Lajeado. Serão atendidos no próximo dia 27 de abril, os trechos das rodovias TO – 050, entre Palmas e Lajeado, TO – 020, entre Palmas e Aparecida do Rio Negro, e TO – 030, entre Taquaralto e Taquaruçu.

Participarão da ação os membros da organização que envolve representantes da Defesa Civil Estadual, da Agência Tocantinense de Transportes e Obras – AGETO, da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – SEMARH, do Instituto Natureza do Tocantins – NATURATINS e da Secretaria da Comunicação.

Segundo o Tenente-Coronel Erisvaldo Alves, Superintendente da Defesa Civil Estadual, em 2020, ao executar o Plano Piloto de Aceiro Negro, foi constatado que a ideia é válida. “Agora vamos ampliar essa ação e assim proteger uma área muito maior”, disse.

Na reunião que definiu como a ação será executada, ficou acordado que o plano dos parceiros não é executar tudo sozinho, mas estimular os proprietários rurais a realizarem o manejo integrado do fogo nas suas terras, desde que devidamente autorizado pelo órgão ambiental, e por isso, o Naturatins está desenvolvendo uma solicitação simplificada para esse fim. Ao todo, o Comitê Estadual do Fogo conta com 32 parceiros. Na próxima semana às máquinas da AGETO, iniciarão a roçagem ao longo da rodovias TO – 020, entre Palmas e Aparecida do Rio Negro, e TO – 030, entre Taquaralto e Taquaruçu, de forma simultânea.

Até o momento, foram registrados 252 focos de queimadas no Tocantins, do dia 1° de janeiro de 2021 até o dia 19 de abril.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *