fbpx

Estado determina a contratação de 90 leitos de UTI para Covid-19 na rede privada

Palácio Araguaia
Foto: Dynyme Hergbeth


Por Ivan Trindade


Foi determinado pelo governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse (DEM), que a Ses, Secretaria de Estado da Saúde, deverá tomar todas as providências necessárias para a contratação de novos 90 leitos de UTI Covid-19 (Unidade de Terapia Intensiva) na rede privada do Estado. De acordo com o Executivo, a medida busca complementar a oferta existente no Sistema Único de Saúde (SUS), dada à alta demanda recente. Conforme a SES, a pasta já trabalha no credenciamento de instituições privadas com ou sem fins lucrativos para oferta destes leitos ao SUS.

Por meio de nota encaminhada à imprensa, Carlesse afirmou que a adoção de medidas extraordinárias é de extrema urgência para se evitar o colapso da rede de atendimento no Estado. “Estamos trabalhando em diversas frentes e o Governo do Tocantins está abrindo novos 36 leitos nos hospitais públicos de Palmas e Gurupi. Agora, mesmo sendo responsável pela maioria dos leitos ofertados para população, não podemos parar, iremos buscar todas as opções possíveis para garantir o atendimento da população. Os casos estão aumentando, o Estado faz sua parte e esperamos que a população também nos ajude com as medidas de prevenção. Juntos, vamos superar todos esses desafios”, pontuou.

Entenda

Com isso, ficou então acordado que nos próximos dias a Secretaria da Saúde deve publicar o chamamento para credenciamento de instituições privadas (com ou sem fins lucrativos), que tenham interesse em disponibilizar leitos de Unidade Terapia Intensiva (UTI) adulto, tipo II, destinados ao atendimento de pacientes suspeitos e/ou confirmados com Síndrome Respiratória Aguda Grave provocada pelo novo Coronavírus SARS-CoV-2.

Ainda conforme o Governo, o Tocantins apresentou um crescimento significativo de novos casos de Covid-1i nos últimos 30 dias. No dia 1° de janeiro de 2021, eram 110 casos confirmados; e no dia 1° de fevereiro, o número subiu para 293 casos confirmados, o que retrata um aumento de 166,36% no número de casos. “Nossos leitos já estão em fase de atenção, algumas unidades hospitalares com leitos complementares já não têm leitos liberados. Com a confirmação do caso da nova variante no Estado, o sistema de Saúde entra em alerta para o aumento de casos, devido ao alto grau de contaminação”, explicou o titular da SES, Edgar Tollini.

Atualmente, o Tocantins, que ocupa a 23ª posição no ranking de estados com mais casos da doença, já registra um total de 352.552 pessoas notificadas com a Covid-19 e acumula 111.370 casos confirmados. Destes, 100.431 pacientes estão recuperados e 9.443 estão ainda ativos (em isolamento domiciliar ou hospitalar), além de 1.496 óbitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *