fbpx

Mais de 100 casos de acidentes em local de trabalho foram registrados apenas neste ano no Hospital Geral de Palmas

HGP
Foto: Dynyme Hergbeth

Por João Pedro Gomes

Em meio a alta demanda de pacientes atendidos diariamente no Hospital Geral de Palmas (HGP), o Escritório de Qualidade apontou um índice preocupante: foi registrado um aumento no número de acidentes de trabalho. Foram 110 casos registrados apenas de janeiro a maio deste ano; em 2020, no mesmo espaço de tempo, 84 pessoas foram socorridas.

Os tipos de acidentes são variados, mas os destaques são queda de altura, acidente de motocicletas ou carro no percurso do trabalho, amputação de membros, perfurações com material cortante e choque elétrico.

Um dos pacientes internados no HGP, Alberes Matias Oliveira, relata que sofreu um acidente e que foi socorrido. Ele relata: “Foi em poucos segundos, senti o impacto no braço. Nasci de novo”. O profissional realizava um serviço de comunicação visual e sofreu um choque, o que levou à fratura do seu braço esquerdo.

Ronaldo Rêgo Rodrigues, médico ortopedista do HGP, afirmou em entrevista: “Em casos graves de acidentes de trabalho com fraturas expostas, múltiplas fraturas, nossa equipe precisa realizar procedimento de urgência e emergência no centro cirúrgico, no momento que o paciente chega ao hospital. Dependendo da gravidade, pode necessitar de leito de Unidade de Terapia Intensiva”, explicou.

O médico ainda ressalta a possibilidade de sequelas em casos graves: “Pode haver sequelas do acidente, ou precisar esperar um espaço de tempo para que esse paciente possa voltar à sua atividade de rotina diária. Por isso alertamos para o cuidado com este tipo de acidente no dia a dia”, aconselhou.

Revisão por Ivan Trindade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *