fbpx

Médico cirurgião do HGP vem a óbito neste domingo (28) em decorrência da COVID-19

Imagem: Divulgação/SES-TO

Por João Pedro Gomes

Em decorrência de complicações pela COVID-19, faleceu, aos 60 anos, na manhã deste domingo (28), o médico cirurgião José Augusto Menezes Freitas de Campos. O profissional da saúde era responsável pelo serviço de endoscopia e cirurgias bariátricas no Hospital Geral de Palmas. 

José Augusto era formado pela Faculdade de Medicina de Catanduva (SP), e estava internado em um hospital particular de Palmas desde que o novo coronavírus (SARS-CoV-2) se intensificou em seu organismo. Concursado no estado desde 1994, o profissional “desenvolveu um trabalho gigantesco na construção de saúde de Palmas e do Tocantins”, segundo o Sindicato dos Médicos (Simed).

O médico chefiou o serviço de saúde da Polícia Militar do Tocantins, onde recebeu a patente de coronel. José Augusto foi mestre em cirurgia e também presidiu a Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva no Tocantins e a Sociedade Tocantinense de Videocirurgia.

A Secretaria de Estado e Saúde (SES) lamentou a morte do médico e pontuou sua excelência como profissional e ser humano, “dedicado aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)”. Já o Simed lamentou o falecimento por nota, onde deseja “sentimentos de fé, força e superação aos familiares, amigos, colegas e pacientes, diante de tão grande perda para a medicina e a sociedade tocantinense”.

Revisão por Ivan Trindade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *