fbpx

Ministério da Saúde confirma quatro casos de contaminação pela variante brasileira da COVID-19 no Tocantins

Imagem: Divulgação/Internet

Por João Pedro Gomes

O Ministério da Saúde informou, através do seu último boletim sobre a pandemia de COVID-19, que o Tocantins possui quatro pacientes contaminados pela variante brasileira do vírus, chamada P1. O documento, que faz uma cobertura da semana epidemiológica do dia 4 ao dia 10, também aponta que não há casos das variantes britânica ou sul-africana no estado.

O Estado já havia recebido um caso de contaminação da variante no mês de fevereiro, ao receber um paciente transferido de Manaus (AM) para Palmas, durante o colapso do sistema de saúde do Amazonas. Na época, houve um ligeiro surto de contaminação entre os servidores que atuavam no hospital, o que levou a uma investigação por parte da Secretaria de Estado da Saúde (SES), mas os resultados ainda não foram divulgados. 

Não foi informado pela SES se os casos estão recebendo algum acompanhamento diferenciado ou se são importados ou de transmissão local. Também não se sabe quantos casos suspeitos ainda aguardam exames.

O mesmo boletim epidemiológico do Ministério mostra que ainda houve a confirmação de novos 1.925 casos de variantes do coronavírus, sendo que, destes, 1.851 são da P1, que se iniciou no Amazonas. Os maiores números de casos do tipo são no próprio Estado do Amazonas, com 687 casos; o Rio de Janeiro também é destaque, com 159 casos.


Revisão por Ivan Trindade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *