fbpx

Projeto de Lei que autoriza doação de imóvel ao Cedeca é encaminhada à Assembleia pelo governador Wanderlei Barbosa

Foto: Aline Batista/Prefeitura de Palmas

Por João Pedro Gomes

O governador em exercício do Tocantins, Wanderlei Barbosa, assinou na tarde do último dia 20, o Projeto de Lei (PL) n° 19, em que autoriza a doação de um imóvel destinado à construção da sede própria do Centro de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente Glória de Ivone (Cedeca Tocantins). O PL será encaminhado para Assembleia Legislativa para apreciação e aprovação dos deputados estaduais. O ato de assinatura ocorreu no Palácio Araguaia com a presença de membros do Cedeca.

“Desde 2018 que estamos nessa luta para conseguir esse projeto de lei autorizando a doação do terreno. É uma grande conquista histórica para o Cedeca, porque trabalhar sem ter um espaço próprio é complicado. Com esse terreno garantimos a sustentabilidade financeira também do Cedeca, que atua na defesa dos direitos de crianças e adolescentes, muitas vezes violados pelo poder público, pela família e pela sociedade. Nós trabalhamos para que esses meninos e meninas tenham acesso à justiça e as políticas públicas de educação, saúde, esporte e lazer”, explicou a secretária-executiva do Cedeca, Mônica Brito, agradecendo ao Governador e à equipe pelo empenho em destravar a pauta.

O terreno, situado na quadra Arno 32, Rua 18, APE 02-C, conta com uma área de 598,40 m², bem ao lado do Centro de Ensino Médio Castro Alves. A secretária-executiva do Cedeca, Mônica Brito, destacou que no local será construída não só a sede administrativa, mas também um espaço de recreação e de cursos de arte-cultura e tecnologia. “Não será um espaço apenas administrativo, mas também vai funcionar como um espaço de inclusão social da população da região Norte, principalmente com atividades voltadas à tecnologia de inclusão dos meninos que buscam o primeiro emprego, atividades de lazer com pista de skate, atividades culturais como hip-hop”, destacou.

Ao final da reunião, as pequenas Serena e Estela Barba Maia, representando as crianças e adolescentes palmenses, se juntaram a mãe Luz Arinda Malves, e demais membros do Cedeca, para um registro fotográfico do momento considerado por todos como histórico.

(Com informações da Secom)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *