fbpx

Projeto Fornada de Talentos é realizado em seis cidades do Estado

Foto: Carlessandro Souza/Governo do Tocantins

Por João Pedro Gomes

Mais uma etapa do Projeto Fornada de Talentos é promovida pelo Governo do Tocantins por meio da Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas). Dessa vez, a ação ocorre de segunda-feira, 13, até sexta, 17, e promove a Oficina de Panificação, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Jardim Aureny III, em Palmas.

O secretário da Setas, José Messias Araújo, disse que o Projeto Fornada de Talentos possibilita a inserção de mais tocantinenses no mercado de trabalho. “Promover ações de capacitação e empregabilidade por todo o Estado é uma das prioridades do Governador Vanderlei Barbosa, e a Setas por meio da Inclusão Produtiva, não medirá esforços para levar melhor qualidade de vida a todos os tocantinenses”, ressaltou.

Profissionalização no Tocantins

A ação ocorre em Palmas em decorrência da parceria com a secretaria municipal de Assistência Social; e na capacitação, que dá direito a certificado, os participantes terão aulas teóricas e práticas sobre como fazer pães, bolos e bolachas, entre outros produtos de panificação.

O Projeto Fornada de Talentos atenderá ao todo seis cidades tocantinenses. Darcinópolis e Aguiarnópolis já receberam as ações do Projeto, Palmas recebe nesta semana e Monte Santo, Lizarda e Couto Magalhães serão atendidas em 2022.

Inclusão

As capacitações fazem parte da Política Pública de Inclusão Social, do Governo do Tocantins, com propostas de capacitar trabalhadores, em situação de vulnerabilidade, em diversas áreas, para fomentar a inclusão no mercado de trabalho; e os recursos são oriundos do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep).

Os cursos de inclusão produtiva buscam gerar trabalho e renda de maneira estável e digna para as populações em situação de pobreza ou vulnerabilidade social. A ideia é facilitar a superação de processos de exclusão social, por meio do empreendedorismo e da empregabilidade.
(Com informações da Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *