fbpx

Tocantins alcança 98,86% de cobertura vacinal contra a febre aftosa

Foto: Ascom Adapec

Por Ivan Trindade

Em 2021, o Tocantins atingiu o índice vacinal de 98,86% contra febre aftosa do rebanho de bovídeos (bovinos e bubalinos). A campanha ocorreu entre os dias 1° e 31 de maio, e depois chegou a ser prorrogada. De acordo com a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), o levantamento mostra que dos 9.766.817 animais existentes, 9.656.012 foram vacinados nesta 1ª etapa da campanha, bem acima do índice preconizado pelo  Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que é de 90%.

Ainda conforme o órgão, o número de animais passou de 8.793.005 bovídeos registrados na primeira etapa de  2020, para 9.766.817 em 2021, um aumento de quase 1 milhão de cabeças,  ou seja, 11% a mais. Além disso, 14 municípios atingiram 100% de cobertura vacinal. O município de Araguaçu continua em 1ª lugar no número de bovídeos somando 413.025. Em seguida vem Formoso do Araguaia com 288.051, Araguaína 270.252, Peixe 247.519 e Arraias 210.383.

Paulo Lima, presidente da Adapec comemorou o resultado e a participação de todos os pecuaristas, que têm colaborado com a manutenção sanitária do rebanho. “Os altos índices comprovam o compromisso de todos no avanço do status sanitário, que trará benefícios a toda a cadeia produtiva, bem como chancela a qualidade da carne e o trabalho sério desenvolvido por todos os envolvidos”, ressalta.  

Quem não vacinou

Quem não vacinou e/ou declarou, conforme a adapec, estão sendo orientados quanto às sanções e também sobre a obrigatoriedade da vacinação para que 100% dos animais recebam a dose do imunizante. “Quando a campanha se encerra já iniciamos as notificações para que todos cumpram as exigências e mantenham os seus animais vacinados, sob pena de terem também a ficha de movimentação do rebanho bloqueada”, disse o responsável pelo Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa da Adapec, João Eduardo Pires.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *