fbpx

Um ano desde a morte de Romana, primeira vítima fatal da Covid-19 no Tocantins

Imagem: Divulgação

Por João Pedro Gomes

Há exatamente um ano atrás, dia 14 de abril de 2020, faleceu a primeira vítima de Covid-19 no Tocantins: Francisca Romana Sousa Chaves, uma servidora pública de 47 anos. Ela chegou a ficar internada em uma UTI por um mês antes de falecer.

A servidora teve contato, na época, com a advogada Kellen Pedreira do Vale, de 42 anos, primeiro diagnóstico de coronavírus no Tocantins. Romana atuava na Secretaria Municipal de Saúde e trabalhava na prefeitura de Palmas desde 2005. O Tocantins foi o último estado do Brasil a confirmar uma morte por Covid-19.

Um ano depois, o estado contabiliza 149.269 diagnósticos e 2.289 óbitos pelo novo coronavírus, sendo este mês de março o mais afetado durante toda a pandemia: foram contabilizadas 564 vítimas apenas durante os trinta e um dias. 

 
Revisão por Ivan Trindade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *